5 erros que detonam a pele no frio

Share Button

Olá Bauzete, tudo bem?

Aqui tudo jóia, aproveitando a queda da temperatura que eu particularmente adoro!

Só tem um probleminha… Quando o frio chega, a pele dá piti. Como ela produz menos oleosidade natural, fica ressecada, avermelhada, repuxando. Uma sensação bem chata.

A dermatologista Dra. Thais Pepe, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Academia Americana de Dermatologia, nos fala sobre alguns erros básicos que precisamos evitar:

1. Não passar protetor solar — Não tem jeito, o fotoprotetor é de uso diário e eterno: “A radiação ultravioleta, também no inverno, provoca danos que comprometem a estrutura de sustentação da pele, causando o aparecimento precoce de rugas e flacidez, além das manchas. Reaplique o fotoprotetor de quatro em quatro horas em ambientes fechados e de duas em duas horas em fotoexposição direta.”.

2. Esquecer dos hidratantes e cremes reparadores — O ideal é buscar produtos cujos veículos sejam à base de Fosfolipídeos que formam uma segunda pele e protegem a pele de forma mais efetiva diminuindo a perda de água por evaporação. Com relação aos cremes reparadores, a médica diz que eles podem ser usados à noite para evitar os danos ambientais como a poluição.

3. Esquecer dos pés, mãos e corpo — Hidratar essas regiões é fundamental. “Após passar um creme específico, coloque uma meia de algodão. Isso ajuda a pele a absorver o produto. Nas mãos, invista nos ácidos hialurônicos. No corpo, a reposição lipídica deve ser eficiente para restabelecendo a hidratação da pele”.

4. Abusar dos retinóides — Para tratamento de acne, manchas e rejuvenescimento facial, os retinóides são excelentes — e geralmente são prescritos no inverno. “Mas eles devem ser usados com parcimônia e orientados por dermatologistas. Seu uso contínuo pode causar hipersensibilidade cutânea, vermelhidão e irritabilidade”, alerta a especialista.

5. Tomar banhos muito quentes — Ficar mais de 15 minutos em uma ducha quente é ruim para a camada hidrolipídica da pele, que segura a hidratação. “Dessa forma, a pele perde água e lipídeos, o que compromete sua função de barreira. O ideal é banho morno e logo após o banho hidratar a pele”, finaliza.

Fique de olho nos cuidados agora no frio para manter sua pele saudável. ♥

Bjks,

Giane Carvalho

Fonte: Dra Thais Pepe: Dermatologista especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia, membro da Sociedade de Cirurgia Dermatológica e da Academia Americana de Dermatologia. Diretora técnica da clínica Thais Pepe, tem publicações em revistas científicas e livros, além de ser palestrante nos principais Congressos de Dermatologia.

Share Button

Comments

comentários